Médico especialista em ossos: qual o nome e especialidades?

Muitas pessoas ainda se perguntam qual médico especialista em ossos, qual o nome, especialidades e quais doenças trata.

O ortopedista é o profissional especialista em ossos, mas também trata tudo o que envolve as articulações, músculos e tendões.

Portanto, desde uma luxação, entorse até uma cirurgia de prótese de joelho, você deve procurar um ortopedista.

Por outro lado, dentro da ortopedia, você encontra diversas especialidades, o que garante um diagnóstico mais assertivo e tratamento mais direcionado.

Portanto, se você apresentar algum problema musculoesquelético, descubra aqui qual especialidade procurar!

Médico especialista em ossos qual nome?

O nome do médico especialista em ossos é o ortopedista, que trata de doenças dos ossos e de todo o sistema musculoesquelético.

Ou seja, das articulações, músculos, tendões e nervos.

O ortopedista está habilitado em diagnosticar e tratar todos os tipos de lesões que envolvam o aparelho locomotor, por exemplo, uma fratura de joelho, tendinite de ombro ou artrose de quadril.

Médico especialista em ossos quais especialidades?

A ortopedia é dividida em várias especialidades, e para isso, os médicos se capacitam e se especializam em uma determinada parte do corpo.

Dessa forma, você vai encontrar médico especialista em ossos que trata:

Joelho;

Quadril; 

Pé e tornozelo;

Mão;

Ombro;

Coluna

Dessa forma, o diagnóstico é muito mais preciso, assim como o tratamento, uma vez que o profissional se especializou naquela parte do corpo.

Hoje em dia, você encontra também ortopedista especialista em esporte, e tem a função não apenas de tratar lesões, mas agir na prevenção.

Use equipamento certos e de boa qualidade, como os melhores raquete de beach tennis para quem pratica esse esporte.

Médico especialista em ossos quais doenças trata?

Como é praticamente impossível listar todas as doenças aqui, vamos mostrar os principais motivos que levam as pessoas a consultar um médico especialista em ossos:

Dores nas costas;

Hérnia de disco;

Ruptura de ligamentos cruzados de joelho;

Artrose de joelho;

Fraturas em geral, como pé, tornozelo, mão, etc;

Ruptura do manguito rotador;

Problemas no cotovelo;

Doenças nas mãos, como síndrome do túnel do carpo;

Escoliose;

Problemas nas articulações; 

Tendinites;

Dores no quadril;

Lesões degenerativas da coluna.

Então, para cada um desses problemas, existe uma especialidade em ortopedia.

Por exemplo, se você tem um problema de artrose de joelho, em muitos casos, será necessária uma cirurgia de joelho, onde você vai procurar um ortopedista especialista em joelho.

Já no caso de lombalgias, que são dores na coluna lombar, quem trata é o médico com especialidade em coluna.

Portanto, isso vale para qualquer problema no sistema musculoesquelético.

Quando procurar?

Infelizmente, a maioria das pessoas só pensa em marcar uma consulta com um médico especialista em ossos quando o problema já está sério.

O ideal é assim que sentir uma dor mais persistente, procurar logo um ortopedista, uma vez que agir na prevenção é a melhor solução.

Muitas vezes, algo que poderia ser simples de resolver, pode acabar se complicando, e se tornar algo crônico.

Por isso, vale mencionar aqui que a ortopedia está muito mais avançada, inclusive com cirurgias cada vez menos invasivas, promovendo uma recuperação mais rápida com uma alimentação equilibrada e melhor qualidade de vida ao paciente.

Por que vale a pena procurar um médico especialista em ossos?

Simplesmente porque seu tratamento será mais direcionado, simplesmente porque o médico se especializou em uma determinada parte do corpo.

Vamos supor que você fraturou seu tornozelo. Ao procurar um médico especialista em ossos do pé, além do diagnóstico mais preciso, o tratamento será muito mais assertivo.

Portanto, tenha em mente que ele estudou durante anos para se especializar naquela área, o que traz muito mais segurança ao paciente.

Conclusão

Sendo assim, agora que você já sabe qual nome do médico especialista em ossos e suas especialidades, vai ficar muito mais fácil saber qual ortopedista procurar.

Lembre-se da importância de não apenas marcar uma consulta quando algo mais sério acontecer, e como diz o velho ditado “É melhor prevenir do que remediar”.